CCRO3
CCR SA ON

CCRO3 – O papel respeitou suporte de 16,50 e sugere um teste dos topos anteriores, com alvo de 18,50. 

E venha acompanhar o mercado comigo na minha sala de análises da Clear Corretora. Para isso basta criar seu cadastro de forma gratuita no link: https://cadastro.clear.com.br/passo/default/step1?advisor=igor

Cenário Macro Favorável e Novas Oportunidades

Raio-X

A CCR é uma das maiores empresas de concessão de infraestrutura do mundo, com atuação nos segmentos de concessão de rodovias, mobilidade urbana e serviços. Está presente também no setor aeroportuário, tendo participação acionária nas concessionárias dos aeroportos internacionais de Quito (Equador), San Jose (Costa Rica) e Curaçao. No Brasil, possui a concessionária BH Airport, administradora do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte. 

CATALISADORES

  • Corte de juros. Caso o BC opte por adotar um ritmo mais acelerado que o esperado de corte de juros, a queda na curva de juros deve resultar em revisões positivas do lucro (~70% da dívida é indexada ao CDI), e consequentemente se refletir nos preços das ações.
  • Melhora na atividade. O tráfego tem correlação significativa com o crescimento da atividade econômica. Melhora antecipada nos indicadores de atividade pode resultar em perspectiva de tráfego mais forte.
  • Novos Projetos. Há uma agenda de projetos forte para os próximos semestres, especialmente no segmento de rodovias. A participação (e vitória) nos leilões, bem como o momento favorável do setor, pode catalisar a performance das ações.

RISCOS

  • Recuperação mais lenta do tráfego. O tráfego já começou a dar sinais de recuperação no segundo trimestre de 2017, em cima de uma base fraca (queda em 2015 e 2016). No entanto, crescimento de tráfego menos forte que o esperado pode desencadear revisões negativas de resultado para frente.
  • Decisão desfavorável da Justiça para CCR. No final de 2015, o Governador Geraldo Alckmin entrou com uma decisão para anular aditivos contratuais firmados em 2006, que tinham o intuito de reequilibrar os contratos iniciais por conta de aumento não previsto dos gastos das concessionárias com impostos. Algumas dessas concessionárias conseguiram reverter a decisão, mas a Autoban, hoje uma das principais fontes de receita da CCR, ainda está em discussões com o Governo. Caso se materialize decisão desfavorável para a empresa, é possível que o contrato de concessão seja encurtado para antes de 2026 (que era o fim previsto pelo aditivo), o que representaria anos a menos de receita para a frente, e consequentemente risco de downside para as ações.

Texto/Visão:

Após dois anos de retrações consecutivas no tráfego pedagiado, os números finalmente começaram a mostrar melhora consistente. No segundo semestre de 2017, dados da ABCR apontam para crescimento de ~4% no tráfego, número que deve ser ainda maior para a CCR. Fora o cenário macro benigno, que será alavanca crucial para o operacional da CCR, a empresa conta também com uma estrutura de capital saudável, que permite que participe ativamente de leilões ou M&A no mercado secundário. Hoje há uma série de oportunidades tanto no mercado primário como secundário, mas por se tratar de ano eleitoral é possível que haja concentração maior de projetos (especialmente leilões) em 2019.

 

 

Em termos de valuation, a ação historicamente negocia a prêmio em relação às competidoras, parte em função de ser percebida pelo mercado como melhor alocadora de capital e boa executora. Hoje negocia em linha com a média histórica, mas olhando para o longo prazo, acreditamos que um cenário de potencial entrada em novos projetos, de tamanho grande e a retornos atrativos, representaria um potencial adicional de valorização para os papéis da CCR, que hoje não está precificada em nossa visão. 

Close

Tenha acessso à análise completa da CCRO3 e de outras das principais ações da Bolsa

Obrigado! Aproveite seu acesso sem interrupções a todas as análises.